Rss
0

Dica Musical da Semana: Fonna



Por Kelvis C. de Oliveira

As misericórdias de Deus chegaram até nós, neste dia abençoado, e Glórias a ele por isso. Hoje, gostaria de apresentar um grupo abençoado, 100% cearense, hehe. Falo da Banda Fonna, da qual conheço a pouco tempo, mas que já admiro. Formada por Felipe Lobão no  vocal, Isaque na guitarra, Elieuson lobão na guitarra, Rômulo no baixo, Junior na bateria.

Conheci Felipe (vocalista) e o Junior (baterista) por acaso. Depois de um processo de seleção, estava me preparando pra voltar pra casa, quando os mesmos me ofereceram uma carona.  Vi o som que os dois escutavam, e eles contaram que tinha uma banda, e me falaram de sua Fé. Me indicaram duas músicas, das quais, depois, tive o prazer de ouvir, e confesso, o som é bem massa.



A Banda foi formada no ano de 2008, e é especialmente voltada para o Evangelismo, onde tem como objetivo, levar a palavra de Deus para os jovens, de maneira especial, diferente. Confesso que gosto do som, e os poucos vídeos que vi, me fizeram compartilhar a banda com vocês, meus amados e queridos leitores.


No encontro inesperado com o vocalista e o baterista da banda, fiquei sabendo que ainda não tinham cd, mas que já tinham várias composições. Mas Deus honra a quem tem compromisso com ele, e pelo que soube é que em janeiro de 2013, CD e clip vão ser lançados, para a Glória e honra do Senhor.


Curta o som da Banda Fonna, compartilhe com amigos, ore por eles, e por seu ministério. Abaixo, algumas músicas da Banda. Espero que gostem da dica dessa semana e que Deus vos abençoe, em nome de Jesus. Com vocês, a Banda Fonna!


Mais Músicas:









0

Tim Tebow e o amor para com Jesus


0

O poder de um Abraço


“Tentar melhorar a sociedade não é mundanismo, mas amor. Lavar as mãos diante da sociedade não é amor, mas mundanismo.” (John Stott)

“Amor é o transbordar da alegria em Deus que supre as necessidades dos outros.”
(John Piper)


Dica da minha namorada, Renata Sena
1

O Fanatismo com Crepúsculo!



Por Kelvis C. de Oliveira

Confesso que assisti ao primeiro filme da saga crepúsculo! Mas não foi por que estava interessado. Mas porque minha professora de biologia disse teria uma parte sobre a divisão celular! Eu achando que era uma explicação, ou uma cena em destaque, assisti. Depois que fui perceber que a única cena que falava sobre tal assunto, durava, no máximo 1 minuto, grrrr, fui trollado, rsrsrs, e pela minha professora de biologia.

Pode até ser que tenham fãs da saga lendo tal post, que eu não duvido muito. Mas, algumas reflexões e verdades devem ser ditas e expostas, a fim de que, a Palavra de Deus seja honrada através deste blog. Então espero, que não me chamem de diabo, ou se satanás, ou muitos menos que quero destruir os irmãos, rsrs, então vamos nessa!

O que vejo, eh que tem muitos fãs da saga, e não me impressiona que as meninas curtam tal livro e filme, já que o romance e o amor, são assuntos que as interessam. Até aqui, nada de anormal. O que me preocupa, são as mensagens que o filme transmite. Vale a pena salientar, que o filme também é ocultista! Vamos relacionar alguns pontos?

1º – A insinuação ao suicídio! Quando o personagem principal passa um tempo longe, a protagonista, fica em depressão, querendo suicidar-se.

O Suicídio, é a segunda maior causa de morte de jovens no mundo, e a terceira aqui no brasil. Todo cristão sabe, que o suicídio é pecado. Besteira? Claro que não. Os livros e os filmes de tal saga estão influenciados vários números de jovens. Ai daqueles que ousam falar mal da série! E essa atitude, até com jovens da igreja. Um fato preocupante, é que, no brasil, em um dia, acontece 24 suicídios. Na lista de causas do suicídio, a depressão está entre as primeiras.


2º – Sensualidade e traição! Nem preciso comentar neh? O triângulo amoroso entre o vampiro, o lobisomem e a garota! Por incrível que pareça, isso chama bastante atenção, e a obsessão pelos personagens é impressionante. O Pastor Mark Driskoll afirmou: Crepúsculo é para as garotas adolescentes o que a pornografia é para os meninos adolescentes: algo doente, distorcido, maligno, perigoso, enganador e popular”.

Eros tem mais cultuadores entre os homens civilizados de hoje do que qualquer outro deus. Para milhões o erótico suplantou completamente o espiritual.” (A. W. Tozer)

E essas, são frases a se refletir!

3º – Uma eternidade sem salvação, e sem Deus! Isso, sem dúvidas, é um das mais pesadas e loucas mensagens que a saga transmite. Uma eternidade sem Deus! Você já parou pra pensar nisso? Você arriscaria sua salvação e vida eterna por um amor doentio como esse? No livro, o pai do vampiro protagonista fala o seguinte: “Deus existe e que existe um céu para os humanos, mas não para os vampiros!” Deu pra captar a mensagem?


4º – De onde veio a inspiração! A Autora do livro, Stephenie Meyer (que é mórmon), em seu site, escreveu a respeito de como iniciou o trabalho:

"Eu acordei (naquele 2 de junho) depois de um sonho muito vívido. No meu sonho, duas pessoas estavam tendo uma conversa intensa no meio da floresta. Uma dessas pessoas era apenas uma garota comum. A outra pessoa era fantasticamente linda, brilhante, era um vampiro. Eles estavam discutindo as dificuldades inerentes ao fato de que A) eles estavam se apaixonando, enquanto B) o vampiro estava particularmente atraído pelo cheiro do sangue dela, e estava tendo um momento difícil impedindo-se de matá-la imediatamente ... eu digitei o máximo que eu podia lembrar, chamando os personagens de ‘ele 'e' ela '. "

E depois:

"Isabella e Edward foram, literalmente, vozes em minha mente. Elas simplesmente não se silenciavam. Eu ficava até as altas horas da noite tentando digitar todas as coisas que apareciam em minha mente... Este tem sido um verdadeiro trabalho de amor, amor por Edward e por Isabella e todos meus demais amigos imaginários..."

O que tenho a dizer:

"E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas, mas antes condenai-as. Porque o que eles fazem em oculto até dizê-lo é torpe." (Efésios 5:11-12).

"Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem." (Romanos 12:9)

O mal ataca a cada dia meu amigo, e isso é uma verdade! O tempo da vinda do Senhor está próximo, e o inimigo vai adiante em busca de enganar e derrubar a muitos! Não se embarace com o mundo, nem com as obras das trevas. Lembre-se da frase de John MacArthur, que eu gosto sempre de mencionar: uma das táticas prediletas dos nossos inimigos é disfarçarem-se de anjos de luz e infiltrarem-se na comunidade dos crentes.

Fiquem alertas, o mal jamais dorme!

Mas o nosso Deus, a bíblia diz: “Eis que não tosquenejará nem dormirá o guarda de Israel”. (Salmos 121:4)

Graça e Paz, e um grande abraço!

0

Com carinho, Feliz dia do Músico!



Por Renata Sena

A paz do Senhor para todos . :)

Cantai ao Senhor um cântico novo, porque Ele tem feito maravilhas; a sua destra e o seu braço santo lhe alcançaram a vitória” Salmos 98:1.

Hoje, dia 22 de novembro, é Dia do músico. E eu pesquisei um pouquinho sobre o porquê de justamente ser esse o dia do músico,para mostrar aqui. Logo eu para falar um pouco sobre isso? Fácil, pois AMO música e me interesso por qualquer coisa sobre isso! Pra mim, é o melhor tipo de linguagem já inventada, pois ela não toca só os ouvidos, mas também os nossos corações. Bem, mas chega de bla-bla-blá... Aqui vamos nós:

O que descobri, ao pesquisar a origem da data,é que trata-se de uma homenagem a padroeira da música, Santa Cecília. Proclamada padroeira da música no século XV(Confesso que a última coisa que eu esperava era uma homenagem a uma santa, kkkk). Ela era filha de senador romano e cristã desde criança, cantava e tocava piano e harpa muito bem. E a história conta que em sua época, os cristãos eram muito perseguidos, e por essa causa, ela tinha sido condenada a morte, por asfixia. Não se sabe como, ela sobreviveu, e ela passou ainda três dias entoando louvores. Então decidiram degolá-la. E mesmo sem suas cordas vocais, continuou cantando, enquanto agonizava, até morrer. Seu nome hoje é homenageado como título de conservatórios, corais, escolas, etc.


Não podemos negar, é uma história muito bonita. Morrer pelo nome de Jesus, e não desistir de cantar nem na hora da morte! Será que é qualquer um que tem essa fé e essa coragem? Rsrsrsr...

A música é, na minha opinião, uma linguagem que vem do coração, como já disse antes. E também sabe-se que é um ministério muito importante na igreja. Louvar é algo muito sério, eu amo cantar na igreja, sei disso. As pessoas pensam que louvar é algo fácil, somente aprender uns acordes em um violão, ensaiar e mandar ver. Mas tem que vir do coração, como uma declaração de amor. Todas as músicas não passam de declarações vindas do coração, sejam elas de raiva, de amor, de medo, pedindo ajuda, qualquer sentimento. O fato é que aqueles que possuem o talento de saber tocar um instrumento, ou de cantar, sabem do que estou falando, e que não adianta mentir e dizer: “NÃO! É só uma música! A letra não é nada demais! Não se preocupe!” ... toda música tem uma mensagem, boa ou ruim, então vamos ter cuidado com o que estamos ouvindo e cantando. :) A música é uma arma poderosa, e nunca vai deixar de ser. Pois são palavras e notas vindas de dentro do peito, e as vezes nem tudo o que vem do coração é bom.

Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá? Eu , o Senhor, esquadrinho o coração, eu provo os pensamentos; e isto para dar a cada um segundo o seu proceder, segundo o fruto das suas ações.” Jeremias 17:9 e 10.

O que eu estou dizendo com isso?? Estou dizendo que a música é maravilhosa e muito poderosa. Uma grande arma para quem souber usar. Abençoados e sortudos são os que a amam, sabem usa-la e sabem disso. O melhor é usa-la para o bem, ouvindo músicas de letras boas e sem maldade ou palavras distorcendo o certo e errado. E quem gosta de louvar a Deus, cantando hinos na igreja, ou onde for,se puder, estudar as letras e a origem do louvores que vc escuta e gosta de cantar. Não vamos cometer os errinhos do tipo: “Mas a letra é tão linda! Não tem nada demais.” As vezes a gente, sem querer, pegamos algo e apresentamos ao Senhor, e nem sempre veio de uma fonte limpinha, e temos que dar pra Deus o NOSSO MELHOR, somente isso, Pois quando Ele nos dá presentes, e cumpre suas promessas, Ele nos dá somente o melhor, e nem merecemos isso. Eu tenho aprendido isso, de uma forma teimosa, mas tenho aprendido! Kkkk


A nós que amamos a música (AMO MUUUITO) seja dada a sabedoria para entoar somente inspirados louvores para Jesus, e sabedoria para compor lindas canções. Ter sempre aquele cuidado com certas músicas que grudam na cabeça da gente, e nunca esquecer de Dar o melhor para Jesus TAMBÉM na área musical. Até mesmo os fones de ouvido que colocamos no ônibus deviam ser filtrados! Kkkkk... Somente um pequeno cuidado, pois o que ouvimos muito, também entra em nossas mentes e nosso coração.

Em pensar na história da “Santa” citada logo acima, eu me pergunto: Será que todos nós teríamos a força que ela teve? De Morrer pelo nome de Jesus? E LOUVANDO SEM DESISTIR? Eu só penso que quero ser assim nesse ponto: Louvar a Jesus até na hora da minha morte! Usando o talento que Ele me deu. E grande será a recompensa daqueles que morrem por Jesus, só por Jesus. Tão grande que não dá pra imaginar nem algo que chegue perto. E essa é minha esperança: crer que enfim um dia esse sofrimento, que parece nunca findar, vai cessar, pois Ele prometeu nos buscar, porque Ele nos ama! Como é maravilhoso pensar nisso! Essa é minha esperança. E eu sempre vou querer usar meu violão e minha voz para agradecê-lo por nos dar essa linda promessa e essa esperança. E eu o amo muito.

E é isso. Um beijo para vcs! E FELIZ DIA DO MÚSICO! ^^




0

Como marcar sua Bíblia - Dicas


Evite utilizar caneta esferográfica, hidrográfica ou marca-texto. O papel da Bíblia, normalmente, é um papel fininho, então, com o tempo, a tinta vai infiltrar e atravessar a folha. Ou seja, você marca o versículo que queria e o de trás, que não queria. Esse efeito é instantâneo com hidrográfica ou marca-texto, que molham a folha, infiltram e pintam muito mais que o pretendido. Use lápis, lapiseira, lápis de cor ou giz de cera, é mais preciso e seguro – e em alguns casos, é apagável.
[Eu, particularmente uso giz de cera e lapiseira com grafite 0,5 mm. Existem embalagens de giz de cera com 15 cores ou mais, o que é muito bom. E o grafite 0,5 combina melhor com letra pequena.]

Minha Bíblia marcada com o sistema de ícones e cores que detalho abaixo
Defina um critério de cores para cada assunto ou grupo de assuntos. Utilize várias cores contrastantes

Usando uma cor só, você terá mais trabalho para encontrar o verso rapidamente numa posterior consulta. A cor amarela é mais difícil de enxergar sob certas condições de luz. Também é possível fazer também uma pintura degradê.

Faça marcações diferentes, alternando entre cores, sublinhados e ícones. Você pode criar ícones e colori-los de uma só cor. Usando sublinhados, você poderá criar vários tipos: dupla, pontilhada, tracejada, ziguezague, reta, ondulada, cruzada etc. Sim, para não marcar todas as linhas de um verso, você pode fazer uma borda lateral vertical nele, ou mesmo emoldurá-lo, deixando espaço para ícones, no caso de querer combinar marcações. Porém, cuidado: se você usar várias cores e tipos de marcação em pouco espaço, vai poluir a visão do texto, atrapalhando a leitura, sem contar que a estética não ficará boa. ...Mas a Bíblia é sua, lembre-se disso!

Você pode optar por marcar: as margens ao invés do texto que está junto; o subtítulo, ao invés de um trecho ou de um texto inteiro; ou o número do capítulo, dependendo do alcance da marcação.

Crie referências cruzadas a lápis junto a versículos, conforme a sua necessidade. Para isso você deve dispor de um mínimo de espaço e de uma letra pequenina. Algumas Bíblias têm margens próprias para anotações ao lado, acima e/ou sob o texto, mas essas são volumosas e difíceis de encontrar. Algumas, ainda, oferecem umas folhas em branco no final. Caso a sua Bíblia não tenha nada disso, você pode fazer um bloquinho sanfonado de anotações a partir de uma tira do tamanho da página, e colar na parte interna de trás.

Como marquei minha Bíblia

Para mim, era importante marcá-la levando em conta as doutrinas principais da teologia cristã (salvação pela graça e evangelho, pecado, igreja, homem, Deus, Jesus, Trindade, anjos, cruz de Cristo, divindade de Cristo...), porque ajuda muito na hora de encontrar referências para defesa da fé e para a preparação de textos, aulas etc. Então, eu criei uma tirinha com relevos de ícones muito simples, cada um com cerca de 0,5 cm de altura/largura. Inventei, também, um sistema de cores para combinar com eles, para que pudessem ser reutilizados em outras passagens alterando seus significados. Assim, um anjo seria simbolizado pelo ícone do anjo azul, que lembra o céu; e um demônio ou Satanás seria simbolizado pelo anjo laranja, que lembra o lago de fogo.
Eu prefiro usar giz de cera e lápis para marcar, e utilizo o seguinte esquema:
Forma
Cor
Significado
Anjo
Azul
Anjo de Deus
Anjo
Laranja
Demônio, Satanás
Livro aberto
Marrom
Bíblia, palavra de Deus, inspiração
Sol
Laranja
Deus, pois o Senhor é sol e escudo (Salmo 84.11)
Coroa
Amarela
Jesus
Coroa
Vermelha
Atributos de divindade e Senhorio de Jesus
Chama
Amarela
Espírito Santo, como língua de fogo
Triângulo
Azul
Trindade
Caixa de Presente
Vermelha
Graça, salvação, dom
Asa
Verde
Libertação, evangelho, fé, arrependimento
Cruz
Marrom
Morte de Jesus, discipulado, sofrimento
Pac-man
Vermelho-escuro
Pecado, maldade (ideia vem de gula, egoísmo)
Número 1
Verde-claro
Unidade, cargos, igreja, ordenanças
Seta
Azul
Acontecimento escatológico alegre
Seta
Preta
Acontecimento escatológico triste

____________________________________________________

Como eu fiz as forminhas de ícones que utilizei

Material necessário
Material:
  • Papel grosso e maleável;
  • Papel de cor clara, mais fino, de preferência, que o acima; 
  • Caneta, lapiseira, borracha; 
  • Tesoura; 
  • Régua; 
  • Cola
  • Giz de cera (quanto mais cores, melhor).

1
Desenhe na cartolina pequenas formas, que serão seus ícones. Pinte-os de preto (ou de outra cor forte e escura) e recorte-os [1]. 

[Observação: O passo-a-passo foi feito em escala maior, para facilitar a fotografia e a visualização.]


2
Faça uma tira branca de cartolina com pelo menos 1,5 cm de largura. Não recorte ainda, pois o comprimento dependerá de quantos ícones você tiver feito e do tamanho deles.

Cole todos os ícones numa tira de cartolina, de cima para baixo, deixando um espaço de pelo menos 0,5 cm entre eles [2]. O ideal é que a tira seja de um papel mais fino que o dos ícones.


3
Depois de todos colados na tira, recorte-a. Ela servirá também como marcador de página [3]. 








4
Para usá-la, posicione-a, com os desenhos voltados para cima, sobre a folha de trás da que você pretende marcar, tomando o cuidado de que o ícone esteja do lado do texto a ser marcado. Passe a lateral do giz de cera como se fosse um rolo de espalhar massa. A cor destacará o ítem que está abaixo, formando o desenho ao lado do texto. Pronto [4].


5
A cor escura dos ícones na tira clara facilita enxergá-los através da folha fina da Bíblia, para que você não posicione o desenho no lugar errado. 

[No caso aqui complicou justamente porque usei papel reciclado, ao invés de papel branco.] 
É importante lembrar: 

  • Para cortar os ícones em tamanho pequeno, você pode (deve) usar estilete, porque o corte tem que ser mais preciso. 

  • Quanto mais grosso for o papel dos símbolos, melhor, porque eles vão ficar mais nítidos na marcação; porém, vai dar mais trabalho para cortar. Eu já usei papel de fichas catalográficas e papel cartão.

  • Pense em formas simples e geométricas, justamente porque o corte das figuras é o que dá mais trabalho.

  • No caso de fazer pequenas formas circulares, você pode usar um perfurador para cortar: basta abri-lo embaixo para retirar os pequenos círculos.

Nota:  Eai galera, gostaram das dicas? Dúvidas e Sugestões? Clique no link abaixo e diga ao escritor desse texto.

Vi no Blog Não, Obrigado! do meu amigo Avelar Jr.
3

Mais um disfarce do inimigo: A Igreja Adventista do 7º dia



Por Kelvis C. de Oliveira

Bom meus irmãos, confesso que esses últimos dias estavam sendo difíceis de escrever algo para o blog, além de que, passei por umas poucas e boas durante esses dias. Mas devo admitir que, estou um pouco preocupado com um assunto que anda ganhando terreno e destaque no meio de muitos cristãos. Falo da Igreja Adventista do 7º dia, que hoje possui um canal próprio na TV aberta, fazendo com que, os falsos ensinamentos e falsas doutrinas fiquem a alguns cliques de distância.

As músicas do cantor Leonardo Gonçalves também tem invadido os arraiais evangélicos, principalmente no meio dos jovens crentes, e entre eles, duas pessoas próximas a mim. Não é somente, por conta dessas duas pessoas que trago tal post. Amigos também já me pediam isso. Então vamos conhecer um pouco mais sobre eles.

Tudo começou no início do século XIX, quando o assunto da volta de Jesus estava em baixa. Um Pastor da Igreja Batista chamado Miller leu o Capítulo 8 do livro de Daniel, no versículo 14, e deu uma interpretação que causaria uma grande confusão. Tal texto diz o seguinte: “E ele me disse: Até duas mil e trezentas tardes e manhãs; e o santuário será purificado”.

Miller
Antes de entrar no que Miller falou, devemos voltar um pouco no tempo. A Nação de Israel foi dividida em dois reinos: O do Norte, cuja capital era Samaria; e o do Sul, cuja capital era Jerusalém. Os anos se passaram, e o reino do norte foi invadido pela Assíria, e pouco tempo depois, o reino do sul foi invadido pela Babilônia, sendo os dois reinos levados para o cativeiro.

Depois de 70 anos no cativeiro, os judeus voltam a sua terra. Pronto. Aqui é que começa a teoria de Miller, hehe. Miller afirmou que a contagem de 2300 dias escrita em Daniel 8.14, cada dia, representa um ano. E o início da contagem desses anos se deram em 457 a. C, que foi o regresso dos judeus sob a liderança de Esdras. O cálculo de Miller datava o ano de 1843, como o ano em que Cristo voltaria a Terra. Estranho não?



Já deu pra imaginar o impacto que esse notícia se deu naquela época? Tal fato não aconteceu, e Miller, disse que os cálculos estavam errados, e que Jesus voltaria no ano seguinte, ou seja, em 1844. Deu errado de novo. Miller se arrependeu, mas seus seguidores cresceram, e um deles, chamado Hiram Edson, afirmou que na data profetizada, Jesus entrou no santuário celestial, para fazer uma obra de purificação.

Dois líderes influentes dos seguidores de Miller apoiaram a Hiram Edson em sua nova teoria. Estes eram Joseph Bates (que observava o sábado) e Helen White (diz ela que era profetisa, rsrs). Logo, eles três, Edson, Joseph e Helen, formaria a seita hoje conhecida como Igreja Adventista do 7º dia.

Bom, acho que, quando se fala em Adventistas, lembram logo da questão de guardar o sábado. Essa ordenança entre os adventistas se deu quando Helen White teve uma “revelação”, em que Jesus descobriu a arca do concerto e dentro dela havia as tábuas da lei, e o 4º mandamento, estaria com uma auréola de luz. Os adventistas dizem que os que guardam o domingo, aceitarão a marca da besta, e que o domingo é o selo do anticristo.


Vamos para os números do Novo Testamento: 50 vezes o dever de adorar somente a Deus; 12 vezes a advertência contra a idolatria; 4 vezes a advertência para não tomar o nome do Senhor em vão; 6 vezes a advertência contra o homicídio; 12 vezes a advertência contra o adultério; 6 vezes a advertência contra o furto; 4 vezes a advertência contra o falso testemunho; 9 vezes a advertência contra a cobiça e nenhuma menção a guardar o sábado.

Jesus responde: “o sábado foi estabelecido por causa do homem, e não o homem por causa do sábado; de sorte que o Filho do homem é Senhor também do sábado" (Mc 2.27,28). Jesus ressuscitou no domingo; O Espírito Santo foi derramado no dia de pentecostes, no domingo e os crentes da igreja primitiva realizavam a santa ceia no domingo, além de pregarem e entregarem ofertas.

Outra doutrina errante dos Adventistas é a questão do sono da alma, ou seja, eles afirmam que a alma dorme após a morte. Biblicamente falando, tal ensinamento é falso e contraria verdades bíblicas contidas no Evangelho de Lucas, no capítulo de número 16, a partir do versículo 22, e da abertura do quinto selo, escrita no livro do Apocalipse.


E um absurdo falado por tais é o seguinte: Eles discordam que a expiação (reconciliação) foi efetuada na cruz. Segundo eles, em 1844 (lembra da profecia?), Jesus começou a purificar o santuário, e que tal lugar é divido em Santo e Santo dos Santos. Ainda segundo eles, Jesus ficou cerca de 18 séculos (33 a 1844) no lugar santo intercedendo, mas as culpas ainda estavam registradas no livro, assim a reconciliação com Deus está inacabada, por que tem que haver a remoção dos pecados do santuário.

Refutando: “Nenhuma condenação há, para os que estão em Cristo Jesus”. Percebe o perigo agora amigo?? Satanás gosta muito de se disfarçar de anjo de luz. A armadilha está na sua frente, há alguns cliques de seu controle remoto. Aos que escutam as músicas também, dou-lhes uma palavra:

"Filhinhos, é já a última hora; e, como ouvistes que vem o anticristo, também agora muitos se têm feito anticristos, por onde conhecemos que é já a última hora. Saíram de nós, mas não eram de nós; porque, se fossem de nós, ficariam conosco; mas isto é para que se manifestasse que não são todos de nós. E vós tendes a unção do Santo, e sabeis tudo. Não vos escrevi porque não soubésseis a verdade, mas porque a sabeis, e porque nenhuma mentira vem da verdade" (1 João 2:18-21).

Visse?

Um grande abraço!
0

Série: Corrupções das Doutrinas Bíblicas - Pr. Antônio Gilberto - Parte I


Por Pastor Antonio Gilberto


A oração e o ministério da Palavra foram praticamente substituídos hoje pelo cântico nas igrejas. O ministério da Palavra a que me refiro é a pregação e  o ensino da Palavra.

Os neopentecostais e os “renovados” ensinam que “a mais elevada forma de oração é o louvor”. Isso é  falsificação da doutrina. Como resultado, as antigas vigílias de oração da Assembléia de Deus foram transformadas em “vigílias de louvor”, que no final das contas nem é vigília e nem louvor, no sentido estrito destes termos.

Qual é a procedência dessas músicas? A maioria esmagadora vem dos neopentecostais (alheios à doutrina bíblica). Também vêm do movimento espúrio “Voz da Verdade”, que, entre outras coisas, é unicista; dos mórmons, que são heréticos; dos carismáticos, que são “joio no meio do trigo”, e dos adventistas, que são exímios torcedores da Palavra de Deus.

A corrupção da música sacra em nosso meio ocorre por não haver seleção, critérios de aceitação e nem aferição com a Palavra de Deus, como fizeram os bereanos em Atos 17.11, “examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim”. Vejamos as manifestações dessa corrução:

a) Corrupção na letra das canções: A letra, via de regra, não tem Bíblia nem mensagem para a alma. Também não tem métrica, e a letra é geralmente péssima.

b) Corrupção na melodia da canção: Não tem seqüência melódica, frase musical e tema musical. São idênticas às melodias do mundo, sem nada de solene.

c) Corrupção no ritmo da canção: Ritmo irreverente, puramente secular, coisa que o mundo faz muito melhor do que a igreja quando esta o copia. Ritmo ou cadência é o movimento interativo dos sons.

d) Corrupção no andamento da canção: Andamento é a rapidez da execução dos sons na música. O andamento nessas músicas, via de regra, não tem nada de espiritual, nem solene, nem sacro.

e) Os autores dessas músicas: Devem ser adeptos desse evangelho frouxo que hoje surge por toda parte, que fala em “liberdade” quando eles mesmos são escravos, como diz a Bíblia em 2 Pedro 2.19. Se esses autores fossem realmente homens e mulheres de Deus vivendo e andando no seu temor, jamais fariam tantos desvios nas músicas que produzem.

f) O efeito dessas músicas: São espiritualmente negativas. Seu efeito é nulo. São músicas que, cantadas, tocadas e recitadas, não elevam a alma a Deus, não predispõem o espírito a adorar a Deus, não inspiram, não preparam espiritualmente o ambiente à manifestação divina, não levam o povo salvo a glorificar a Deus “em espírito e em verdade”. 

0

Quando entregar flores?


Por Marcos André
Era um vez um rapaz que ia muito mal na escola. Suas notas e o comportamento eram uma decepção para seus pais que sonhavam em vê-lo formado e bem sucedido.
Um belo dia, o bom pai lhe propôs um acordo: Se você, meu filho, mudar o comportamento, se dedicar aos estudos e conseguir ser aprovado no vestibular para a Faculdade de Medicina, lhe darei então um carro de presente. Por causa do carro, o rapaz mudou da água para o vinho.
Passou a estudar como nunca e a ter um comportamento exemplar. O pai estava feliz, mas tinha uma preocupação. Sabia que a mudança do rapaz não era fruto de uma conversão sincera, mas apenas do interesse em obter o automóvel. Isso era mau!.
O rapaz seguia os estudos e aguardava o resultado de seus esforços. Assim, o grande dia chegou! Fora aprovado para o curso de Medicina. Como havia prometido, o pai convidou a família e os amigos para uma festa de comemoração. O rapaz tinha por certo que na festa o pai lhe daria o automóvel.
Quando pediu a palavra, o pai elogiou o resultado obtido pelo filho e lhe passou às mãos uma caixa de presente. Crendo que ali estavam as chaves do carro, o rapaz abriu emocionado o pacote.
Para sua surpresa, o presente era uma Bíblia. O rapaz ficou visivelmente decepcionado e nada disse.
A partir daquele dia, o silêncio e distância separavam pai e filho. O jovem se sentia traído e, agora, lutava para ser independente. Deixou a casa dos pais e foi morar no Campus da Universidade. Raramente mandava notícias à família.
O tempo passou, ele se formou, conseguiu um emprego em um bom hospital e se esqueceu completamente do pai. Todas as tentativas do pai para reatar os laços foram em vão. Até que um dia o velho, muito triste com a situação, adoeceu e não resistiu. Faleceu.
No enterro, a mãe entregou ao filho, indiferente, a Bíblia que tinha sido o último presente do pai e que havia sido deixada para trás. De volta à sua casa, o rapaz, que nunca perdoara o pai, quando colocou o livro numa estante, notou que havia um envelope dentro dele.
Ao abrí-lo, encontrou uma carta e um cheque. A carta dizia: “Meu querido filho, sei o quanto você deseja ter um carro. Eu prometi e aqui está o cheque para que você escolha aquele que mais lhe gradar. No entanto, fiz questão de lhe dar um presente ainda melhor: A Bíblia Sagrada. Nela aprenderás o Amor a Deus e a fazer o bem, não pelo prazer da recompensa, mas pela gratidão e pelo dever de consciência”.
Reflita: Corroído de remorso, o filho caiu em profundo pranto. Escolha tomar decisões dando o máximo que você tem. O ontem já foi e o amanhã é uma incógnita. Por isso escolha HOJE. Escolha valorizar e ser agradecido nas menores atitudes de amor. Escolha oferecer perdão, pois é isso que vai corroê-lo ou libertá-lo para ser feliz de verdade. Afinal, escolha AMAR até aqueles que não o merecem como se fosse o último dia, porque através dele nos tornamos mais fortes e melhores. E as suas sementes? Tem um poder inesperado que pode ultrapassar todos os limites, até mesmo o das nossas atitudes. Decida pelo melhor.
DECIDA OFERECER FLORES EM VIDA.
Com amor sincero,é o que ofereço e compartilho com cada um de vocês ;)
Sugestões (Jó 8:9 / João 15:13)
ABRAÇO!